Huffington Post: Como salvar as livrarias - 28 ideias inspiradas em lugares que realmente já existem

By | sábado, agosto 11, 2012 Leave a Comment
ImagemFlickr emilyhopkins
As livrarias do mundo estão entrando em colapso. E nós sabemos o por quê.


Entretanto, elas ainda estão longe de saírem de vez das nossas vidas, e a icônica livraria Kepler de São Francisco tem tentado de tudo para garantir que esse dia nunca chegue encorajando um grupo de especialistas a repensar o conceito de uma livraria moderna. Ron Charles do Washington Post resumiu os três dias de discussão deles com uma série de posts em seu blog.

No final das contas, o grupo organizou oito princípios fundamentais para uma Kepler revigorada. Esta suposta nova loja deveria:

1. Ser financialmente sustentável.
2. Ter um objetivo claro e definido.
3. Ser dedicada a alcançar toda a comunidade.
4. Servir de local de encontro para eventos sociais e criativos.
5. Estimular aprendizados para toda a vida e apoiar uma educação literária. 
6.Vender livros de todas as formas possíveis e em qualquer plataforma.
7. Manter uma identidade virtual, com tecnologia completamente integrada a loja. 
8.  Providenciar uma seleção cuidadosamente organizada de livros.



Livrarias são experiências física que a tecnologia digital não pode atingir. As pessoas gostam da ideia que elas existem, mas precisam de um motivo irresistível para não salvarem seu dinheirinho ao comprar livros de distribuidoras online que não tem os preços exorbitantes de livrarias do mundo real.

Então as livrarias apenas sobreviverão se elas fizerem o melhor com os seus atributos que as fazem não ser o Amazon.
Aqui está uma lista de ideias inspiradas em livrarias de todos os lados do globo, que podem ajudar uma livraria modesta a sobreviver por várias gerações:

Espere carregar, clique dentro da janelinha e use as setas do teclado para passar as dicas!
(Pedimos desculpas pelas palavras as quais o widget não reconhece os acentos)
   
(Uma tradução exclusiva do Escolhendo Livros deste artigo do Huffington Post)

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: